Recebemos sua mensagem!
Responderemos em breve!
Quem Somos Injeção Plástica Smart Box Blog Contato

Blog Nord West

Setembro, 2018 | Conhecimento

As vantagens e desvantagens da substituição de metal para plástico

As vantagens e desvantagens da substituição de metal para plástico


Com o crescimento do uso de materiais plásticos nos mais diversos mercados e tecnologias, cada dia mais, as empresas estão buscando soluções em polímeros para substituir peças feitas tradicionalmente por outras matérias-primas. Um exemplo disto é a substituição de metais, a qual apresenta uma série de vantagens e desvantagens que precisam ser analisadas antes de qualquer alteração no processo ou no produto.

Desde seu surgimento, nos períodos pós-iluministas na Europa, o metal é um dos maiores impulsionadores do desenvolvimento industrial. Apesar disto, a busca por uma melhor performance e principalmente pela redução de peso e do custo total de uma peça , contribuiu para o desenvolvimento de polímeros com propriedades similares aos metais vem crescendo.

Apesar de oferecer muitas vantagens, antes da substituição, uma revisão completa do projeto é necessário, de modo que a produção seja sempre adequada e ainda mais vantajosa com a utilização do plástico. Para isso, é preciso entender as características dos termoplásticos, as possibilidades que esses materiais proporcionam e suas propriedades.

 

Vantagens e desvantagens

A escolha incorreta de um material pode elevar ainda mais os custos totais do processo de fabricação de determinado produto. Por isso, as diferenças entre os plásticos e os metais devem ser levadas em consideração desde o início do projeto. Vamos aos pontos principais:

 

Vantagens do uso de plástico

–       Peças mais leves por conta do baixo peso específico (5 a 8 vezes menor);

–       Menor necessidade de operações secundárias (acabamento, cores e etc);

–       Amplas possibilidades de projetos;

–       Melhor resistência química e à corrosão;

–       Excepcional resistência mecânica de alguns grades de polímeros.

 

Desvantagens do uso de plásticos

–       Menor desempenho na função isolante térmico para altas temperaturas;

–       Baixa condução de calor;

–       Tempo maior para degradação no meio ambiente, quando não descartados corretamente.

 

Vale a pena substituir metais por plásticos?

A substituição de metais por plásticos não apenas é válida, como também vantajosa, em razão das inúmeras vantagens apresentadas. Além disso, por conta do crescimento e do desenvolvimento das pesquisas na área, os polímeros têm apresentado novas soluções e melhorias significativas a todo momento.

Apesar das vantagens, é necessário estar sempre atento para que essa substituição seja bem sucedida. Por isso, a seleção do polímero mais adequado, desde antes do início do projeto, deve ser realizada por profissionais capacitados na área e com pleno conhecimento tanto do processo, como das características dos materiais utilizados.

 

Saiba mais sobre polímeros

Muitos especialistas se referem aos polímeros como o material do futuro, principalmente pelas características que alguns desses compósitos possuem, como a leveza, fácil processamento e redução de custo com relação ao metal. Contudo, para a Nord West, isso já é uma realidade. Prova disso é que a empresa possui quase 10 anos de atuação no mercado, além dos mais de 25 anos de experiência teórico-prática de seus sócios.

Se você ainda possui alguma dúvida sobre polímeros e como podem ser utilizados, clique aqui para conhecer mais sobre a empresa e entre em contato com a equipe de atendimento. Conheça também os polímeros que fazem parte da Pirâmide de Polímeros da Nord West.

 

Artigo de
Marcelo
Compartilhe